A História De Muhammed Yunus

1 1 1 1 1 Rating 0.00 (0 Votes)


Para compartilhar nas redes sociais, clique aqui:

Grameen_Yunus_Dec_04Completando o que escrevi no post "Escrevendo Em Letras de Sangue", segue a história mais detalhada de Muhammed Yunus:

Muhammed Yunus lecionava economia numa universidade de Bangladesh, durante um período de grande fome e miséria no país. Havia acabado de receber seu Ph.D. em economia nos Estados Unidos e se sentia muito motivado para lecionar; mas a miséria que encontrava nas ruas o oprimia. Ele sentia que aquilo que estava ensinando n?o passava de contos da Carochinha.

Disposto a fazer algo para ajudar, mas ainda sem saber o quê, Yunus passou a observar a realidade das pessoas de uma aldeia próxima ao campus da universidade onde lecionava.

Certo dia, ao conversar com uma senhora que fabricava banquinhos de bambu, descobriu que seu lucro com a venda de seus produtos era de apenas dois centavos de dólar por dia (não, você não leu errado; é isso mesmo, dois centavos de dólar por dia!). Ela explicou que, por não ter o dinheiro para comprar o bambu, era obrigada a pedir um adiantamento ao vendedor de bambu, que em troca exigia que ela lhe vendesse toda sua produção pelo preço que ele estabelecia. E o bambu custava apenas 20 centavos de dólar!

Yunnus chegou a pensar em dar os 20 centavos de dólar para a mulher, mas decidiu fazer algo mais abrangente. Com a ajuda de um de seus alunos, fez uma lista de todas as pessoas na aldeia que precisavam de quantias semelhantes. Ao final, haviam encontrado 42 pessoas que não precisavam de mais do que 27 dólares (de novo, você não leu errado: 27 dólares!) para poderem alavancar seus negócios e proporcionarem sustento às suas famílias.

Yunnus emprestou os 27 dólares aos artesãos da aldeia, orientando-os a pagar quando tivessem condições e que, enquanto isso, vendessem seus produtos a quem pagasse o melhor preço. Os artesãos assim o fizeram e pagaram a Yunnus fidedignamente.

Animado pelos resultados de suas ações, Yunnus buscou os bancos de Bangladesh para contar sua experiência e apresentar a idéia de que eles emprestassem aquelas pequenas quantias à população. A reação dos bancos foi negativa; por mais que Yunnus fizesse demonstrações aos bancos, servindo de avalista de empréstimos que sempre eram pagos religiosamente pelos devedores, os bancos se mostravam irredutíveis.

Mas Yunus não se deu por vencido e teve outra idéia: por que não montar ele mesmo um banco dedicado a estes pequenos empréstimos?

Depois de dois anos de luta para convencer o governo de Bangladesh a autorizar a abertura do banco, em 2 de outubro de 1983 surgia o Banco Grameen, exclusivamente voltado ao microcrédito. Com seus empréstimos, Yunus e sua equipe ajudaram milhares de pessoas a dar uma vida mais digna às suas famílias. Por esta iniciativa, Muhammed Yunus recebeu o Prêmio Nobel da Paz, em 2006.

 



Para compartilhar nas redes sociais, clique aqui:

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

© Contos de Terror - Letras de Sangue | Design by: LernVid.com